Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

CURSOS ON LINE DE FUTSAL

Este curso online aborda a tática ofensiva no futsal e é indicado para treinadores de futsal de categorias menores e categoria principal. É composto por quatro capítulos com exercícios para reforçar o conteúdo estudado e conta, ainda, com 24 figuras explicativas.

Capítulos:

1. Objetivos táticos ofensivos;

2. Desenhos táticos ofensivos;

3. Fundamentos táticos individuais;

4. Fundamentos táticos coletivos


FUTSAL - TÁTICA DEFENSIVA

Este curso online aborda a tática defensiva no futsal e é indicado para treinadores de futsal de categorias menores e categoria principal. É composto por quatro capítulos com exercícios para reforçar o conteúdo estudado e conta, ainda, com 22 figuras explicativas.

Capítulos:

1. Métodos de treinamento tático;

2. Objetivos táticos defensivos;

3. Fundamentos táticos defensivos;

4. Regras de comportamento tático defensivo.

  Maiores informações em : http://loja.pedagogiadofutsal.com.br/Produto.aspx?IdProduto=84&IdProdutoVersao=87....... Profº Dd Wilton Carlos Santana.

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

JOGOS PARA TREINAMENTO DAS TRANSIÇÕES DEFENSIVAS e OFENSIVAS


Profº Esp.Fernando Romano

METODOLOGIA DE ENSINO DO FUTSAL ATRAVÉS DOS JOGOS

Numa tentativa de resumir as características formais do jogo, poderíamos considerá-lo 
uma atividade livre, capaz de absorver o aluno / jogador de maneira intensa e total.
É atividade praticada dentro de limites espaciais e temporais próprios, seguindo uma certa ordem e certas regras. 


JOGO SITUACIONAL “ Bola Numerada “


Profº Esp.Fernando Romano

FUTEBOL BOTÃO, UMA MAGIA QUE NASCE NA INFÂNCIA

Quem nunca brincou de futebol de botão? Essa brincadeira pode ser considerada uma atividade livre, capaz de absorver o aluno / jogador de maneira intensa e total, dentro de limites espaciais e temporais próprios, seguindo uma certa ordem e certas regras.

 O futebol de botão é extremamente cativante, pois absorve inteiramente os jogadores em seu estado de jogo, é uma forma de manipular a realidade e fazer que o praticante promova a liberdade, tanto de ações quanto de expressões (LÚDICO).



BRINCAR + JOGAR= APRENDIZADO, SEJA ELA APLICADA EM QUALQUER REALIDADE.

Profº Esp. Fernando Romano



terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Gauchão Série Ouro - Semifinal - ACBF 2x0 Afusca

GOLS ABCF-RS 2X0 AFUSCA-RS

ESTÁGIO FERNANDO FERRETTI PARA TREINADORES DE FUTSAL KRONA FUTSAL - 25 DE JANEIRO À 1º DE FEVEREIRO DE 2014

         ESTÁGIO FERNANDO FERRETTI PARA TREINADORES DE FUTSAL




Um dos cursos mais capacitados do futsal mundial está com as inscrições abertas para a temporada 2014. O Estágio Fernando Ferretti para Treinadores de Futsal chega a 17ª edição, com a metodologia do técnico mais vitorioso do futsal brasileiro, ensinando e debatendo na prática, as formas de treinamento aplicáveis. As atividades ocorrem de 25 de janeiro a 1º de fevereiro, no Complexo Esportivo da Univille, em Joinville, localizada no norte de Santa Catarina/SC.
O estágio conta com palestras diárias sobre temas específicos da preparação técnica, tática, física e psicológica. 

Também serão abordados assuntos relevantes à gestão e ao marketing, que contribuem na evolução de uma equipe em alto rendimento. Pelo menos uma das palestras contará com a participação de figuras em destaque do futsal do brasileiro e, até mesmo, internacional.
As inscrições podem ser feitas de maneira antecipada, com desconto de 20% até o próximo 1º de dezembro, por meio do site (www.ferrettifutsal.com). O Estágio Fernando Ferretti para Treinadores de Futsal conta com o apoio da Krona Tubos e Conexões S.A, Univille e Fundação Municipal de Esportes de Joinville. A chancela é da CBFS – Confederação Brasileira de Futsal.
Graduado em Educação Física e também no curso de Fisioterapia, Fernando Ferretti é treinador há 36 anos. A vitoriosa carreira soma passagens por Flamengo (RJ), Fluminense (RJ), Perdigão/Videira (SC), Vasco da Gama (RJ), Banfort (CE), Ceuta (ESP), Academia Postal Ourense (ESP), Malwee/Jaraguá (SC), Santos Futsal (SP), Seleção da Guatemala, Seleção de Futsal do Paraguai e Seleção Brasileira de Futsal. 

Nos últimos oito anos, Ferretti esteve em todas as finais de Liga Nacional e conquistou cinco títulos. Também soma no currículo 11 conquistas da Taça Brasil de Clubes, nove do Campeonato Catarinense de Futsal, cinco da Libertadores da América e cinco do Sul-Americano de Clubes. Atualmente, na Krona Futsal, Ferretti já disputou nove competições. Alcançou oito finais, das quais conquistou cinco títulos.

Estágio Fernando Ferretti para Treinadores de Futsal:
Valor do Investimento (Com desconto): R$ 990,00 (novecentos e noventa reais) até 01 de dezembro de 2013.
Após 1º de dezembro de 2013 (Sem desconto): R$ 1.190,00 (Um mil cento e noventa reais)

Curso para Treinadores de Futsal - Gama Filho - 11 à 17/01/2014



Maiores informações: http://www.posugf.com.br/cursos/extensao/treinador-de-futsal/2688-curso-de-treinador-de-futsal-sao-paulo

Kit de Treinamento Futsal - Marquinhos Xavier

O Kit de Treinamento de Futsal é um conteúdo metodológico digital que aborda aspectos técnicos/táticos importantes para o desenvolvimento das estruturas do jogo/treino. O Kit é dividido em quatro módulos contendo slides animados e com vídeos: Módulo I - Os processos de Transição / Módulo II - Sistema de Marcação Pressão / Módulo III - Formações dos Sistemas de Ataque / Módulo VI - Bolas Paradas - Tiro de Canto. 
Contém material atualizado sobre os temas, sendo utilizado inclusive em Cursos de Formação de Treinadores de Futsal, Palestras e Cursos de Especialização em Futsal em todo o Brasil. O Kit oferece ainda um E-book bônus sobre Montagem de Equipes Vencedoras identificando o perfil dos atletas dentro da formação de uma equipe. 
E ainda,inteiramente GRÁTIS o Livro FUTSAL - Início, meio e finalidade. Adquira seu Kit e receberás seu exemplar no seu endereço de cadastro. DISTRIBUIÇÃO E ENTREGA DO LIVRO APENAS NO TERRITÓRIO BRASILEIRO.


Para compras acessem: http://www.hotmart.net.br/produto/M1260948F/Kit-de-Treinamento-Futsal--Marquinhos-Xavier/---735570-



sexta-feira, 29 de novembro de 2013

ENSINAMENTO DA TÉCNICA DE FUTSAL ATRAVÉS DE JOGOS E BRINCADEIRAS

Há muitos anos que defendo a metodologia do jogo e brincadeira, como uma forma de ensinar o esporte, pois esse conceito transforma a realidade do aluno, no aspecto de asimilar algo novo.

O ATO DO BRINCAR é de extrema importância para a criança no processo de desenvolvimento do ser humano, e os benefícios da brincadeira, sobretudo na vida da criança, são gigantescos e, em sua maioria, desconhecidos pela sociedade.

É de conhecimento de poucos, que a brincadeira é o exercício físico mais completo de todos e é através dela que agregamos valores e virtudes à nossa vida. E essa falta de valorização do brincar, contribuiu para a realidade que vivemos hoje: as brincadeiras estão entrando em extinção.

Portanto, BRINCAR é um momento sagrado; é através das brincadeiras que as crianças ampliam os conhecimentos sobre si, sobre o mundo e sobre tudo que está ao seu redor.Quando uma criança brinca, ela concebe uma outra realidade, pois ela manipulam e exploram os objetos, comunicam-se com outras crianças e adultos, desenvolvem suas múltiplas linguagens,organizam seus pensamentos, descobrem regras, tomam decisões, compreendem limites e desenvolvem a socialização e a integração com o grupo.

ENTÃO VAMOS BRINCAR!!!!!!!!



Profº Esp. Fernando Romano


quarta-feira, 20 de novembro de 2013

COPA LIBERTADORES DE FUTSAL 2013

Vai começar à Copa Libertadores da América de Futsal, evento que acontece de 07 a 13 de Dezembro, no ginásio Municipal Sérgio Matto, localizado na cidade de Canalones, no Uruguai.O  evento que acontece de 07 a 13 de Dezembro,

Conheçam os grupos do torneio:


O Grupo A  Peñarol (Uruguai ), ADC Intelli Orlândia (Brasil) , Cerro Porteño (Paraguai), River Plate (Argentina) e Club Desportivo Palestino ( Chile)


O Grupo B 

Nacional (Uruguai), Minas Tênis Clube (Brasil), Pablo Rojas (Paraguai), Boca Juniors (Argentina) e Deportes Concepción (Chile).



sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Jogos para treinamento da tomada de decisões e percepção no Futsal



Ao jogar uma partida de futsal, o atleta irá conviver com incertezas e desconfortos e a metodologia do jogos induz à  formação dos jogadores, aumentando seu nível de conhecimento da modalidade através da problemática de  solucionar os problemas apresentados durante o jogo.

Esse princípio de pode ser estimulado em jogos de TOMADA DE DECISÃO E PERCEPÇÃO no treinamento do futsal, abaixo segue duas propostas para que os jogadores tenham que estar tomando decisões constantemente, obrigando a pensar ao jogador, e com isso, melhorando sua percepção (que acontece?), suas decisões (que faço?) e finalmente sua execução (como resolver a situação de jogo).

JOGO 1 Percepção 5x5
Jogadores: 5x5 sem goleiros
Espaço: 40x20
Descrição: duas equipes sem goleiros com uma bola em jogo e toques livres. Cada equipe, além disso, tem um jogador que leva uma bola na mão, e o jogador que a possui não pode atacar nem defender.
Variantes:
    a.- Bola em mão não pode ter o mesmo jogador mais de 5 segundos, devendo passá-la a outro companheiro.
    b.- Só vale gol dentro da área.
    c.- Limitar  número de toques
    d.-  Introduzir goleiros.

5x5 sem goleiros



*********************************************************************************

JOGO 2: Jogador sentado
Jogadores: 4x4+Goleiros.
Espaço: 28x20
Descrição: Tem um jogador sentado por equipe. Para que se possa levantar devemos dizer seu nome, o jogador que o diz deve sentar-se. É importante ler constantemente o jogo para determinar quando é apropriado que mandemos levantar a nosso jogador sentado em função de onde esteja.
Variantes:
    a.- Eliminar arremessos laterais e escanteios
    b.- limitar o número de toques
    c.- Limitar o tempo de finalização

Jogador sentado




Fernando Romano
Treinador de Futsal



segunda-feira, 14 de outubro de 2013

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

ARTIGOS CIENTÍFICOS APRESENTADOS NO 36º SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE (CELAFISC)

Hoje abrirei um espaço no blog para uma grande amigo e grande pesquisador do Futsal, o professor Neno Alves, que realiza grandes trabalhos na baixada santista com o Futsal e a formação de jogadores.

Nesse primeiro banner apresentado no Simpósio, o perante estudo diz a respeito sobre as "CORRELAÇÕES SOBRE COORDENAÇÃO MOTORA GERAL,HABILIDADES ESPECIFICAS E AVALIAÇÕES FÍSICAS", vejam o estudo abaixo.





Já o estudo abaixo relata o estudo do FUTEBOL E FUTSAL PRIORIZAM A PARTE FÍSICA, COMO E GRANDE O NUMERO VOLTADO PARA ESTA ÁREA E POUCO PESQUISADO EM OUTRAS (TÉCNICA, TÁTICA, PSICOLÓGICA).



Obrigado ao profº Neno Alves e colegas pela grande oportunidade de divulgar seus estudos em meu blog e aos leitores dessa página fica a dica:

Futsal/futebol = Teoria+Prática= Sucesso

Profª Esp. Fernando Romano

Gols Cascavel 4x2 Campo Mourão Campeonato Paranaense de Futsal


Cascavel garante a última vaga para semi finais do campeonato paranaense de futsal 
série ouro.




ADHering/FMD Blumenau 4 x 5 Krona Futsal


Gols da 2ª partida da Semi Final do Campeonato Catarinense de Futsal 2013


terça-feira, 8 de outubro de 2013

ENSINAMENTO DA TÉCNICA DO FUTSAL ATRAVÉS DE JOGOS E BRINCADEIRAS

Atualmente venho escutando algumas colocações sobre o ensino do futsal através da metodologia do jogo/brincadeira para categoria de base do futsal e dentro das colocações concluo que a grande dificuldade dos profissionais está pautado na quebra de paradigmas e na forma de ensinar o futsal através de outro modelo de ensino.

Acredito que a bagagem desses profissionais esta ancorada em sua experiência trazida da graduação ( Curso de Ed. Física centrado no ensino do esporte através da TÉCNICA ) ou de uma vivência de ex-atleta ( Antigos acreditam que o jogo/brincadeira NÃO ensina o esporte ) nos anteriores.

Justifico sempre que as brincadeiras / jogos não são ALGAZARRAS e também com isso as suas aulas/treinos não serão ANARQUIZADAS, e que essa metodologia está amplamente ligada a modalidade, pois o FUTSAL um esporte jogado entre companheiros e adversários, que implica em competição e em disputa e com isso o JOGAR BEM está resumidamente em ver o modo que as crianças se relacionam com a bola, em apresentar destreza em gestos (habilidades) como o domínio, a condução, o controle, o chute, o cabeceio, o passe, a proteção de bola, etc.....

Portanto o ato de JOGAR BEM deve estar sempre relacionado ao jogo, à uma tarefa bem aproximada da realidade da modalidade que a criança optou em praticar.

Abaixo segue uma Brincadeira/Jogo aplicada para a técnicas do futsal ( Dribles, Controle e Condução de Bola ), que venho utilizando em alguns Cursos e Clinicas de Futsal no qual ministro no estado.

Espero que essa sugestão de atividade possa contribuir para todos e que a partir dessa sugestão, os leitores desse blog, possam construir suas atividades pautadas em sua rotina de trabalho.



PEGA PEGA ARANHA


Profº Esp. Fernando Romano
Treinador de Futsal

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

CURSO DE FUTSAL SOBRE METODOLOGIA DO TREINAMENTO DO FUTSAL NAS CATEGORIAS DE BASE

Nesse último final de semana, estive na cidade de Aparecida SP ministrando um curso de futsal no qual a experiência foi sensacional, acredito que essa troca de informação vem cada vez mais contribuir com o crescimento do Futsal.

Fiquei muito feliz em saber que o futsal do Vale do Paraíba vem investindo e evoluindo na capacitação dos profissionais que atuam na modalidade. Aqui venho agradecer publicamente aos dirigentes Fabio Elache ( Presidente da Liga Aparecidense de Futsal ), Dr. José Francisco Santos Rangel ( Presidente do Umuarama Clube de Aparecida ) e à todos os profissionais que participaram desse evento.

Fotos Curso

DIVULGAÇÃO CURSO


CERTIFICADO DO CURSO





CAMISA DO UMUARAMA

FOTO AULA PRATICA SUB 11

YOKA FUTSAL ADULTO A2 ESTADUAL DE SÃO PAULO 2013

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

* 1º Clínica de Futsal - Liga Intercolegial / Corinthians Futsal

 Como resultado da parceria Corinthians Futsal & Liga Intercolegial, surge a 1º Clínica de Futsal.
O que é: A clínica de Futsal é um curso de atualização para professores e treinadores de Futsal;

Objetivo: Falar de temas importantes no Futsal como por exemplo a utilização de goleiro linha;

Duração: 1 dia ( Domingo - 20 de Outubro) 

Para quem : Aberta a todos os treinadores e professores de Educação Física e Futsal; 


A Liga Intercolegial tem a coordenação do Professor Silvio Antunes

http://www.ligaintercolegial.com.br/

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

DVD de Futsal Para Crianças: Jogos de Rua Adaptados para o Futsal.


Atualmente, devido à evolução urbana e insegurança, as calçadas e ruas estão deixando de ser um local de divertimento infantil. Com isso, as brincadeiras e jogos populares estão sendo substituídos pelo computador, televisão e jogos eletrônicos.

O Futsal por ser um dos esportes mas ensinados no Brasil, deve resgatar esses jogos, por isso apresentamos nesse DVD, uma série de 13 jogos de rua adaptados para o Futsal.

As atividades são indicadas para crianças a partir de 6 anos. Aproximadamente 70 minutos de filmagem.



Veja acima o Trailler do mais novo DVD de Futsal Para Crianças: Jogos de Rua Adaptados para o Futsal...Adquira já o seu...www.futsaltotal.com.br.




Profº Esp.Fernando Romano
Treinador de Futsal

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Novo DVD - Futsal para Crianças: Jogos de Rua Adaptados para o Futsal

LANÇAMENTO DO NOVO DVD de FUTSAL PARA CRIANÇAS: JOGOS DE RUA ADAPTADOS PARA O FUTSAL.
Lançamento Oficial dia 20/08/2013.
 
Atualmente, devido à evolução urbana e insegurança, as calçadas e ruas estão deixando de ser um local de divertimento infantil. Com isso, as brincadeiras e jogos populares estão sendo substituídos pelo computador, televisão e jogos eletrônicos.
 
O Futsal por ser um dos esportes mas ensinados no Brasil, deve resgatar esses jogos, por isso apresentamos nesse DVD, uma série de 13 jogos de rua adaptados para o Futsal.
 
As atividades são indicadas para crianças a partir de 6 anos. Aproximadamente 70 minutos de filmagem.
 
Este material poderá ser adquirido através do site www.futsaltotal.com.br, no valor de R$ 59,90 + frete.
 
E mais, estaremos sorteando aos que COMPARTILHAREM esta postagem, três DVD's, totalmente grátis. É só COMPARTILHAR entre seus amigos no Facebook e já estará concorrendo. Dia 19 de agosto de 2013 informaremos o nome dos ganhadores, no Facebook, na página Futsal Total.
 
Lembrando, que o DVD só estará a venda a partir do dia 20/08/2013.

domingo, 11 de agosto de 2013

ARTIGO CIENTIFICO SOBRE PREPARAÇÃO FISICA NO FUTSAL Profº Fernando Onetto ( Argentina )

Segue mais um estudo de nossos hermanos sobre o Futsal, não é a toa que a modalidade esta crescendo em muito na Argentina, pois a relação entre o conhecimento cientifico e a pratica é um fator realmente necessário para o sucesso.

Profº Fernando Gabriel Onetto

Currículo:

  • Profesor en Educación Física (Instituto Federico Dickens)
  • Licenciado en Educación Física (Universidad de la Matanza)
  • Preparador Físico ( instituto del Deporte)
  • Estudiante de Kinesiología (Universidad de la Matanza)
  • Miembro de La Sociedad Argentina de Fisiología. 
  • Preparador Físico Club Estrella Federal Futsal 1a y 3a División. Año 2012. Liga Metropolitana.
  • Preparador Físico Club Social y Deportivo Juvencia Futsal 1a División B.  A.F.A

**************************************************************************************************


La preparación física de los esfuerzos anaeróbicos alácticos-lácticos y la aptitud física en los deportes de conjunto.  Fútbol de Salón.

(Club Social y Deportivo Estrella Federal. Liga Metropolitana)


         En esta publicación se pretende determinar el entrenamiento de los sistemas energéticos anaeróbicos alácticos y lácticos y su correlación con el rendimiento físico en los deportes de conjunto.

El fútbol de salón es un deporte que algunos indican su origen en Uruguay en el año 1933 y otros en Brasil alrededor del año 1930. En 1965 se lo denomina oficialmente como futsal y en nuestro país se juega en forma organizada desde 1960. Surgió inspirado en otros deportes como el fútbol, que es la base y también del handbol, básquetbol, tomando partes de los respectivos reglamentos de los deportes nombrados y  trabajo técnico-táctico de los mismos.

Las diversas situaciones del juego acontecidas en este deporte obligan al preparador físico a pensar su planificación en estrecha relación con la aptitud física de los jugadores, ya que ante una misma situación de juego inicial puede presentarse resultados diferentes. Se toma como guía el principio de la multilateralidad a la especialización que sirve como guía en el proceso deportivo hasta llegar a la máxima expresión de un gesto motor y a la adecuada disponibilidad energética para el rendimiento en la etapa en el periodo competitivo.

De acuerdo a este principio, en esta etapa, se pretende llegar al máximo rendimiento, a la especialización. Esto requiere un trabajo anterior, multilateral, en donde se pone acento en el volumen y no tanto en la intensidad.



Cuantificación del esfuerzo.  Espacio y tiempo.

El fustal es un deporte que requiere gran intensidad y una alta demanda energética en la unidad de tiempo. Según Barbero Álvarez J.C. y Castagna, C. (2007) esto redunda en una disminución en el rendimiento, posiblemente como causa de la fatiga muscular.

Pareciera que la repetición de Sprints podría ser una cualidad especifica a entrenar en el fútbol de competición. El jugador de futsal realiza recorridos a máxima intensidad o cercanas al máximo de corta duración, con pausas generalmente incompletas, en un periodo de tiempo de juego de aproximadamente 62-64 minutos en partidos de la liga metropolitana. Algunos autores proponen que un jugador recorre una distancia total de entre 3000 y 6000 metros por partido.

Este deporte es metabólicamente mixto intermitente e intervalado (aeróbico-anaeróbico), con esfuerzos fraccionados máximos y submaximos que se dan con pausas incompletas pasivas y activas de forma variable. Se caracteriza por una repetición de esfuerzos a máxima intensidad en espacios entre 5-10 metros, con cambios de dirección.

Según German Andrin García, la velocidad en carreras rápida es de 4. 4 mts./s lo que representaba una distancia de 938 metros. La velocidad de sprint es de 7. 5 mts./s en una distancia de 651 metros. El 75% de los esfuerzos tiene una duración media de 0 a 18 segundos. Sin embargo casi 200 esfuerzos por partido no alcanzan los 10 segundos.


Importancia de la Adenosina Tri Fosfato (ATP) y la Fosfocreatina (PC)

Queremos aclarar que los términos anaeróbico y aeróbico deben tomarse en este caso de forma relativa, porque no existen situaciones absolutas anaeróbicas o aeróbicas.  Aún en el ejercicio mas intenso, existe alguna contribución aeróbica y viceversa.

Es probable que el metabolismo más importante sea el anaeróbico aláctico (ATP-PC) y que el equipo cuyos jugadores puedan mantener niveles de acciones altos e intensos sin disminuir la eficacia  redundaría en  resultados deportivos determinantes.

El ATP  se produce a partir de ADP+Pi en la mitocondria, pero este se utiliza en el citoplasma ya que aquí se realizan las mayoría de las reacciones que utilizan ATP. La principal función del ATP es la de transportar energía química.

El ATP es la fuente directa de energía que convierte energía química en mecánica. Es una fuente no solo para la contracción, sino para la relajación muscular. Del total de ATP consumido por el organismo en reposo, cerca del 30% es utilizado por la masa muscular. Durante un ejercicio intenso, el porcentaje requerido por los músculos puede llegar al 90% del total. El músculo tiene la capacidad de pasar del reposo a la actividad extrema. Ello tiene su correlación metabólica.


Barbero (2003) el aporte del metabolismo de fosfágenos es del 75-85% del total de los esfuerzos, y el 15-25% de los esfuerzos anaeróbicos láctico.

En esfuerzos de acciones de transición, ataque y defensa, se utiliza el glucógeno por medio del metabolismo anaeróbico láctico. Creemos  importante mencionar que el aporte del metabolismo aeróbico no parece ser un limitante del rendimiento, pero podría contribuir a la recuperación entre esfuerzos máximos Hoffman (1996).

En acciones anaeróbicas lácticas el sustrato es el glucógeno muscular que sirve como reserva energética utilizada cuando se realiza trabajo contráctil intenso. La glucólisis esta limitada por la disponibilidad de la coenzima NAD+, deteniéndose cuando se reduce en el sarcoplasma a NADH+. En otras palabras, la función contráctil de la célula muscular se ve dificultada.  Un factor de importancia en la caída del rendimiento en esfuerzos de máxima intensidad pareciera ser, aparte del NADH+,  una baja en la biodisponibilidad del pool de glucógeno muscular como sustrato dador de energía (Depleción Glucogénica).

 Los trabajos aeróbicos de baja y media intensidad pareciera que estimulan a las enzimas ramificadoras de glucógeno favoreciendo junto a una dieta rica en hidratos de carbono al “llenado” de glucógeno en la célula muscular facilitando la recuperación y permitiendo mantener por más tiempo una adecuada técnica y performance deportiva.

Entender los datos anteriormente expresados nos enmarca en una adecuada planificación del macrociclo para así poder dosificar los esfuerzos alácticos-lácticos en la sesión de entrenamiento en el periodo de competencia.


Unidad de entrenamiento


Periodo competitivo. Primera y reserva. Club Social y Deportivo Estrella Federal.
Ejemplo de ejercicios anaeróbicos aláctico y láctico.

Trabajo sobre una distancia de 10 metros. Se colocan tres conos formando un triangulo. El jugador se desplazara a máxima velocidad de un lado a otro donde un compañero le pasa la pelota y este la devuelve con borde interno, suela, etc.




Tiempo del estimulo es de 6-8 segundos. 4 x 3 x  6-8 segundos x 3 minutos pausa activa (caminando). Macropausa  5 minutos. Este tipo de ejercitación necesita una recuperación completa ya que posee una alta participación neuromuscular.


Trabajo sobre 40 metros con transporte de pelota a velocidad, dejo la pelota cerca del cono ubicado cerca de  la línea de fondo, paso por detrás del cono, recupero el contacto con la pelota, regreso, y 10 metros antes paso la pelota a un compañero.




           

Tiempo del estimulo aproximado 15´´. Recuperación 12-15´´.  3 x 4 x macropausa 3´. Distancia aprox. Total: 960 Metros.
Lo que se pretende en este ejercicio es estimular el sistema glucolítico (resistencia lactácida) con una participación importante del ácido láctico.

               

                                                                                                 Prof. Licenciado Fernando G. Onetto
    Preparador Físico
                                            
Colaborador: Dr. Horacio Heredia. Medico cardiólogo, nutricionista, deportólogo.             
          
        Miembros de la S.A.F.E. Sociedad Argentina de Fisiología del Ejercicio


Bibliografía



-Blanco A, Blanco G.: “Química Biológica”. Editorial El Ateneo. 9° Edición. Buenos Aires. Año 2011.

-Fox, Edward, L.: “Fisiología del Deporte”. Editorial Médica Panamericana. 8° Reimpresión de la 1° Edición. Buenos Aires. Año 1992.

-Dr. Heredia, H. y colaboradores: “Biología aplicada a la actividad física y el deporte”. Prometeo Libros. Universidad Nacional de La Matanza.

-de Hegedüs, J.: “La planificación del entrenamiento deportivo”. Editorial Stadium. 1° Edición. Buenos Aires. Año 2009.

-Lic.  Lombardini, M.: “Entrenamiento en el Fútbol Sala”. Pórtico Azul Ediciones. Buenos Aires. Año Noviembre de 2002.

-Matvéiev, L: “El proceso del entrenamiento deportivo”. Editorial Stadium. Buenos Aires.  

- Voet D, Voet Judith G.: “Bioquímica”. Editorial El Ateneo. 3° Edición. Año 2006.



Internet (Investigaciones)

-Andron García, G.: “Caracterización de los esfuerzos de fútbol sala basado en el estudio cinemática y fisiológico de la competición”. http://www.efdeportes.com.  Revista digital. Buenos Aires. Año 10. N° 77. Octubre 2004.

- Barbero Alvarez J, C. y colaboradores: “Aerobic fitness in futsal players of different competitive level”. The Journal of strength and conditioning research.pdf. Año 2009.

-Barbero Alvaez J, C. y colaboradores: “Match analysis and heart rate of futsal players during competition”. Journal of sports sciences. University of Granada, Granada, Spain. Año 2008.

- Castagna C, Barbero Alvarez J. C.: “Physiological demands of an intermittent Futsal Oriented high-intensity test”. The Journal of strength and conditioning research. pdf. Año 2010.

TEXTO TRADUZIDO

Os esforços de preparação física aptidão alático-láctico e anaeróbio em esportes de equipe. FUTSAL.

(Sports and Social Club poinsétia. Liga Metropolitana)


         Esta publicação se destina a determinar a formação de sistemas de energia anaeróbio alático e lático e sua correlação com o desempenho físico em esportes de equipe.

O futebol é um esporte que alguns indicam sua origem no Uruguai em 1933 e outros no Brasil por volta de 1930. Em 1965, oficialmente denominado como futsal e nosso país é jogado de forma organizada desde 1960. Surgiram inspiradas outros esportes como o futebol, que é a base eo andebol, basquetebol, tendo partes dos respectivos regulamentos desportivos nomeados e trabalho técnico-tático dos mesmos.

As várias situações de jogo ocorrido neste esporte exigem o treinador a pensar seu planejamento em estreita relação com a aptidão dos jogadores, porque com a mesma situação de jogo inicial pode apresentar resultados diferentes. Ele tem como princípio orientador do multilateralismo para a especialização, que serve como um guia para o processo de esporte para alcançar a máxima expressão de um gesto motor adequado e para o desempenho no palco, no período competitivo disponibilidade de energia.

De acordo com este princípio, nesta fase, é atingir o máximo de desempenho, a especialização. Isso requer um trabalho anterior, multilateral, onde a ênfase é colocada em volume e intensidade.



Quantificação de esforço. Espaço e tempo.

O fustal é um esporte que exige alta intensidade e alta demanda de energia na unidade de tempo. De acordo com J. C. Barbero Alvarez e Castagna, C. (2007) o que resulta em uma diminuição no desempenho, possivelmente por causa da fadiga muscular.

Parece que sprints repetidos poderia ser um treinamento específico de qualidade no futebol competitivo. Futsal jogador realiza passeios no máximo ou próximo a intensidade máxima de curta duração, geralmente com intervalos incompletos em um determinado período de aproximadamente 62-64 minutos, jogos da liga metropolitanas. Alguns autores propõem que um jogador percorre uma distância total de 3000 a 6000 metros por jogo.

Este esporte é metabolicamente misturado intermitente e intervalo (aeróbico-anaeróbico) com o máximo de separação e esforços submáximos que ocorrem com intervalos passivos e ativos incompletos níveis variáveis. Caracterizada por uma duplicação de esforços para a intensidade máxima nos espaços entre 5-10 metros, com mudanças de direção.

De acordo com o alemão Andrin Garcia, a velocidade de corrida rápida é 4. 4 m. / S representa uma distância de 938 metros. Velocidade final é 7. 5 m. / S a uma distância de 651 metros. Os 75% do trabalho leva uma média de 0-18 segundos. Mas cerca de 200 os esforços do partido não chegar a 10 segundos.


Importância do tri fosfato de adenosina (ATP) e fosfocreatina (PC)

Queremos esclarecer que os termos anaeróbio e aeróbio, neste caso, devem ser tomadas relativamente, porque não há condições anaeróbicas ou aeróbia absolutos. Ainda mais exercício intenso, há alguma contribuição aeróbia e vice-versa.

O metabolismo é provavelmente mais importante que o anaeróbio alático (ATP-PC) e da equipe cujos jogadores podem manter altos níveis de estoque e intenso, sem reduzir a eficácia determinantes resultam em resultados desportivos.

ATP é produzido a partir de ADP + Pi na mitocôndria, mas este é usado no citoplasma e são feitas aqui mais reacções usando ATP. A função principal é transportar a energia química ATP.

ATP é a fonte de energia direta que converte energia química em mecânica. É uma fonte não só de contração, mas para o relaxamento muscular. Do ATP total consumida pelo corpo em repouso, cerca de 30% são utilizados pela massa muscular. Durante o exercício intenso, a percentagem requerida pelos músculos pode chegar a 90% do total. O músculo tem a capacidade de ir do repouso à atividade extrema. Esta correlação tem o seu metabolismo.


Barber (2003), o metabolismo fosfagênios contribuição é de 75-85% dos esforços, e 15-25% de esforços anaeróbios láctico.

Nos esforços para ações de transição, de ataque e de defesa, o glicogênio é utilizado pelo metabolismo anaeróbico láctico. Nós digno de nota que a contribuição do metabolismo aeróbico, não parece ser um desempenho limitativo, mas pode contribuir para a recuperação máxima de esforços Hoffman (1996).

Em ações substrato é o glicogênio muscular anaeróbio lático serve como uma reserva de energia usada para realizar trabalho contrátil intensa. A glicólise é limitado pela disponibilidade de coenzima NAD +, parando quando o sarcoplasm é reduzido para NADH +. Em outras palavras, a função contráctil das células musculares é prejudicada. Um factor importante na redução de desempenho em esforços de alta intensidade parecem ser, para além de NADH +, uma diminuição da biodisponibilidade da piscina glicogénio muscular como substrato doador de energia (depleção de glicogênio).

 O trabalho aeróbico de baixa e média intensidade parece estimular as enzimas de ramificação de glicogênio favorecendo ao lado de uma dieta rica em carboidratos para "encher" de glicogênio na célula muscular e permitindo a recuperação mais fácil manter a adequada técnica e desempenho esportivo.

A compreensão dos dados anteriormente expressas nos enquadrado em um planejamento adequado do macrociclo, a fim de dispensar esforços alático-láctico no treino no período da competição.


Unidade de Formação


Período competitivo. Primeiro e reserve. Star Sports e Social Club Fed.
Exemplo alático e lático exercícios anaeróbios.

Trabalhando a uma distância de 10 metros. Três cones são colocados de modo a formar um triângulo. A velocidade máxima jogador deslocar para trás, onde um dos parceiros passa a bola e The Edge retornos internos, linguado, etc.




Tempo de estímulo é de 6-8 segundos. 4 x 3 x 6-8 segundos x 3 minutos de descanso ativo (a pé). Macropausa de 5 minutos. Este tipo de treinamento requer uma recuperação completa, porque tem um alto envolvimento neuromuscular.


Trabalhar 40 metros com a bola no transporte velocidade, deixar a bola perto do cone localizado perto da linha de base, passo por trás do cone, recuperar o contato com a bola para trás, e de 10 metros antes de passar a bola para um companheiro de equipe .


O tempo aproximado do estímulo 15''. 12-15 Recovery''. 3 x 4 x macropausa 3 '. Distância aprox. Total: 960 Metros.
O objetivo deste exercício é o de estimular o sistema glicolítico (lactácido resistência), com participação significativa de ácido láctico.